Blog dos Cursos

cefaleia-tensional-revista-pilates

Cefaléia tensional e postura

Se você é adulto e tem dor de cabeça pelo menos um vez por mês, saiba que você pertence a uma estatística que envolve a maioria da população mundial.

A forma mais comum de dor de cabeça é a cefaleia tensional, que acomete especificamente, mais mulheres do que homens e costuma surgir na adolescência. Esta dor pode ser episódica, causada por evento estressante isolado ou pode ser crônica, quando acontece mais da metade dos dias, durante três meses ou mais.

Neste último caso ela não está diretamente ligada à disfunção temporo-mandibular ou à contraturas musculares na região do cabeça, e sim, com fatores emocionais (estresse, ansiedade e depressão) e, claro, com a má postura.

Cefaléia tensional é uma dor de cabeça primária, ou seja, não é causada por outros motivos. O exame médico e de imagem, geralmente, será normal, com exceção de exame físico na musculatura cervical, que pode estar com aumento de tensão e contratura.

Esta tensão, na grande maioria das vezes, é causada pelos hábitos posturais ruins dos dias atuais, que se observam no cotidiano e no trabalho (celular, computador, etc.), mas as pessoas, raramente se dão conta disso ou tem conhecimento para promover melhorias.

Quando se analisa a dor e problemas posturais, frequentemente se questiona sobre alterações posturais graves onde o paciente não relata dor, e também alterações leves onde se originam sintomas da tensão muscular. Uma postura pode parecer muito errada, mas o indivíduo pode ser flexível e mudar a posição do corpo prontamente. Da mesma forma, uma postura pode parecer boa mas a rigidez e a contratura muscular podem limitar tanto a mobilidade que a posição do corpo não se modificada prontamente.

Assim, o fator mais importante pode ser a falta de mobilidade, que não é detectado como alinhamento defeituoso, mas é diagnosticada em testes específicos. Por isso a importância de se procurar uma equipe especializada onde a avaliação será mais precisa e indicará a causa do problema, aliviando a dor e melhorando a qualidade de vida.

Muitas vezes, seu corpo sinaliza o problema a partir de uma cefaleia tensional e alerta você para uma correção integral. Fique de olho na sua saúde e na sua postura!